PCDF investiga se aluno de pós-graduação da UnB participou de latrocínio

    0
    152
    O dono do quitinete em que os suspeitos do latrocínio (roubo com morte) da analista de projetos do Ministério da Cultura Maria Vanessa Veiga Esteves é investigado pela Polícia Civil por suposta participação no crime. Glauber Barbosa da Costa, 42 anos, disse à polícia que é estudante de pós-graduação na Universidade de Brasília (UnB), onde se formou no curso de administração, e consta como empregado do MinC entre 2010 e 2015 no Portal da Transparência. Leia mais notícias em Cidades A Polícia Civil ainda averigua qual seria a participação dele no caso. De acordo com os investigadores, há suspeitas de que o local funcionaria como ponto de tráfico de drogas.
    Artigo anteriorDelegado e chefe de gabinete da Secretaria de Justiça do DF agride idoso
    Próximo artigoDeputado Federal Rôney Nemer é assaltado no Guará 2