Padrasto que violentou enteada de oito anos volta a ser preso no DF

    0
    297
    O padrasto acusado de violentar enteada de oito anos, no Riacho Fundo II, foi preso novamente pela Polícia Civil neste sábado (25/3). A prisão preventiva foi determinada pelo juizado criminal da região sob o argumento de que a vítima estaria em risco por causa das ameaças sofridas durante os abusos e do comportamento da mãe ao apoiar o companheiro. Além disso, outro motivo é que a criança poderia deixar de acreditar na justiça, e parasse de auxiliar no caso.  Leia mais notícias em Cidades O auxiliar de serviços gerais, 35 anos, havia sido preso no dia 17 deste mês, e liberado no dia seguinte.
    Artigo anteriorDF deve ter semana ensolarada, segundo previsão do Inmet
    Próximo artigoMP ajuíza ação contra hospital particular por usar verba pública