Justiça suspende fechamento de cantinas em presídios do DF

    0
    213
     A juíza Leila Cury, da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal, determinou, nesta sexta-feira (31/3), a suspensão do fechamento de cantinas das unidades prisionais do DF. A deliberação atendeu ao pedido da Defensoria Pública para que decisão da Secretaria de Segurança Pública e da Paz Social de fechar os pontos de comércio fosse adiada até que soluções baseadas na Lei de Execução Penal (LEP) fossem apresentadas. Leia mais notícias em Cidades No pedido, a Defensoria Pública chegou a afirmar que, se necessário, o fechamento deveria ser feito de forma gradativa, sem interrupção repentina, para que os detentos e os visitantes não fossem lesados. A medida também não poderia comprometer a segurança e a estabilidade do sistema de reclusão.
    Artigo anteriorPolícia apreende uma tonelada de queijo sem nota fiscal em Santa Maria
    Próximo artigoAtropelamentos recorrentes de ciclistas expõem intolerância no trânsito