Palco Aberto promoverá apresentações circenses gratuitas na Torre de TV

0
400

O Coletivo Ambidestro, por meio do projeto Palco Aberto, está procurando artistas circenses de todo DF para apresentações de números na Torre de TV. As próximas 10 edições vão ocorrer uma vez por mês, sempre aos domingos, com o objetivo de dar espaço para artistas e oferecer ao público espetáculos de circo gratuitos.

O projeto Palco Aberto existe há mais de 10 anos e já realizou mais de 50 apresentações circenses nas ruas do DF. O evento sempre é conduzido por um mestre de cerimônias que apresenta diversos artistas em pequenas apresentações – números – onde mostram suas habilidades para o público.

Neste novo formato, que iniciou no dia 11 de junho, contará com uma pré-seleção de artistas para tornar o evento ainda mais inclusivo e democrático. Além de disponibilizar toda a infraestrutura para os artistas selecionados.

Os espetáculos contam com palhaços, malabaristas, acrobatas, equilibristas, entre outras atrações. A programação também inclui apresentação de bandas no encerramento de algumas edições e a classificação é livre.

Artistas interessados precisam se inscrever com antecedência para as apresentações. Para participar, o artista deve preencher o formulário que se encontra disponibilizado no link: Inscreva-se Palco Aberto  até 7 dias antes da data do evento.

O Presidente do Coletivo Ambidestro, Luan Haickel Araújo, ressalta que o objetivo do projeto é fomentar a arte circense em Brasília.  “O Palco Aberto é uma espécie de incubadora de apresentações. Um espaço onde artistas novos e artistas experientes podem experimentar seus números inéditos em um ambiente com público real”, destaca.

Luan ainda reforça que a ideia é essencialmente proporcionar aos artistas e ao público um formato de apresentações mais livre.

“Os artistas não precisam se preocupar com coisas como: infraestrutura de som, divulgação, formação do público e autorização de apresentações. Para o público, isso também é ótimo, pois cada Palco Aberto é uma exibição única, pois todo mês poderão assistir apresentações diferentes”, conclui.

O projeto é realizado pela Fundação Nacional de Artes (Funarte) por meio do Chamamento Público Município Amigo do Circo 2022 publicado pelo Ministério da Cultura, em maio de 2022.

Desenvolvido como uma associação sem fins lucrativos, o Coletivo Ambidestro foi idealizado em 2012 para ajudar a profissionalizar e difundir a arte circense. Hoje a companhia é composta por diversos artistas e produtores culturais que contam com uma rede de parcerias de grupos de outras regiões do país e apoiadores da cidade.

 De acordo com Luan, o edital contemplou somente uma inscrição por região. “Foram apenas 5 vagas para o Brasil todo. Uma por região, ou seja, conseguimos ser o projeto selecionado do Centro-Oeste. Estamos muito felizes com essa oportunidade, pois a ideia é tornar esses projetos constantes”, comemora.

Serviço

Feira de Artesanato da Torre de TV SDC – Eixo Monumental, Brasília – DF

Formulário de inscrições: Inscreva-se

Data: 2 de julho

Horário: 15h

Ingressos: gratuitos

Novas apresentações: 20 de agosto, 3 de setembro, 1° de outubro, 12 de novembro, 3 de dezembro, 14 de janeiro, 4 de fevereiro e 3 de março.

Realização: Funarte / Ministério da Cultura /Governo Federal

Mais informações

Instagram: @coletivoambidestro

Assessoria de imprensa

Larissa Sarmento

Luana Nova

(61) 995788-8864/98216-3995

Artigo anteriorColuna do ZÉ dia 22 de junho- Infelizmente aconteceu o que eu previ há 3 dias atrás sobre o submarino Titan
Próximo artigoGuarda Costeira dos EUA confirma morte dos passageiros do submersível Titan, houve uma implosão