532 candidatos disputarão as 20 vagas da Câmara, 41% a mais que 2016

0
28
532 candidatos disputarão as 20 vagas da Câmara, 41% a mais que 2016
Direito de legislar em Sorocaba provocará disputada acirrada. Corrida eleitoral começa oficialmente no domingo. Crédito da foto: Vinícius Fonseca (25/8/2020)

O número de candidatos a vereador em Sorocaba, em 2020, é 41,2% maior que o registrado em 2016.

As informações, que são parciais, foram disponibilizadas nesta quinta-feira (24) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Esse porcentual pode aumentar, já que os dados ainda estão sendo alimentados.

De acordo com os números, Sorocaba tinha até esta quinta-feira (24) 532 candidatos à Câmara da cidade. Em 2016, o total era de 377.

Com essa parcial, há 26,6 candidatos por vaga, já que são vinte cadeiras no Legislativo sorocabano. A disputa estava menos acirrada na eleição passada. Eram 18,85 por vaga.

Candidatos por partidos

Conforme os dados disponibilizados, DEM, PL, Podemos, PSC, PSDB, PSL, PV e Republicanos tinham trinta candidatos cada na disputa.

PDT, PRTB e PSB participarão da eleição com 29 candidatos cada um. O PP terá 27 candidatos à Câmara. Já o MDB e o Psol terão 26 cada.

Ainda concorrendo pelo Legislativo, PT, PTB e Solidariedade terão 25 postulantes à Câmara cada. O Avante terá 22 candidatos.

Enquanto o Pros, dezessete e o PC do B, doze candidatos. Vale frisar que esses números se referem a situação desta quinta-feira (24), podendo ser alterada.

Aguardando julgamento

Conforme o painel do TSE, todas as candidaturas estavam na condição de “aguardando julgamento”.

O nome do candidato que aparecerá na urna eleitoral também já foi disponibilizado. Já é possível, também, consultar a lista de bens declarados pelos candidatos, dados pessoais e limites de gastos para a campanha.

Os vereadores podem gastar até R$ 158.736,32. No caso de prefeito, o limite é de R$ 2.509.444,09, somente no primeiro turno.

Candidaturas e bens declarados

Todos os sete candidatos a chefe do Executivo de Sorocaba já aparecem registrados no sistema do TSE. Da mesma forma, já há os dados dos vices.

Sobre as declarações de bens, conforme as informações de cada candidato a prefeito, a situação é a seguinte: Carlos Peper (Solidariedade) declarou possuir R$ 560.000,00; Leandro Fonseca (DEM) declarou R$ 3.335.711,00; Jaqueline Coutinho (PSL) declarou R$ 214.861,00; Maria Lúcia Amary (PSDB) declarou R$ 1.586.471,12; Raul Marcelo (Psol) declarou R$ 785.000,00; Renan Santos (PDT) declarou R$ 167.220,00; e Rodrigo Manga (Republicanos) declarou R$ 237.602,07. Somados, os bens declarados dos seis candidatos somam R$ 6.326.865,19.

Agenda

Entre outras determinações, este sábado (26), às 19h, é o último dia para os partidos políticos e as coligações apresentarem à Justiça Eleitoral o requerimento de registro de seus candidatos.

Também é a data a partir da qual os cartórios eleitorais e as secretarias dos tribunais eleitorais permanecerão abertos aos sábados, domingos e feriados.

Também é o último dia para que os partidos providenciem a abertura de conta bancária específica destinada ao recebimento de doações de pessoas físicas para a campanha eleitoral.

Essas contas serão abertas na Caixa Econômica Federal, no Banco do Brasil ou em outra instituição financeira com carteira comercial reconhecida pelo Banco Central do Brasil. No domingo (27), começa oficialmente a campanha eleitoral. (Marcel Scinocca)

O post 532 candidatos disputarão as 20 vagas da Câmara, 41% a mais que 2016 apareceu primeiro em Jornal Cruzeiro do Sul.