Agente da PCDF que pilotava helicóptero caído no Pantanal recebe alta

0
119

O agente da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) Renato de Oliveira Souza, que pilotava o helicópetero da Força Nacional que caiu no pantanal em 8 de outubro, recebeu alta na quarta-feira (21/10). Ele foi transportado em UTI aérea de Cuiabá (MT) para o Rio de Janeiro (RJ), onde vai ficar com familiares.

O policial de Brasília estava internado em um hospital de Cuiabá desde o dia do acidente e foi transferido em uma aeronave do estado. Segundo o Governo do Mato Grosso, o agente não corre risco de morte.

“Quando a gente vê uma pessoa querida, é uma situação complicada, então, é uma alegria ver que ele está fora de perigo agora, principalmente porque é raro sobreviver a acidentes aéreos”, disse o irmão de Renato, Rogério de Oliveira Souza, que o acompanhava em Cuiabá.

Renato foi resgatado com Luiz Fernando Berberick, da Polícia Civil do Rio de Janeiro (PCRJ), e o 2° sargento da Polícia Militar do Rio de Janeiro (PMERJ) Emerson Miranda Martins.

Todos foram retirados por um helicóptero da Marinha do Brasil e encaminhados até Cuiabá, para atendimento médico. O transporte foi em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) aérea do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) de Mato Grosso.

“Felizmente, o Renato conseguiu dar os últimos comandos e o tripulante conseguiu adotar tudo, então na verdade um salvou o outro”, narrou o irmão do piloto. (Com informações da Secom/MT).


0

O post Agente da PCDF que pilotava helicóptero caído no Pantanal recebe alta apareceu primeiro em Metrópoles.