Polícia Federal deve periciar áudios da campanha eleitoral

0
44
Polícia Federal deve periciar áudios da campanha eleitoral
Crédito da foto: Adival B. Pinto / Arquivo JCS

A Justiça Eleitoral determinou que áudios contidos no processo em que se investiga fraude e abuso de poder econômico, envolvendo a suposta compra do partido Avante de Sorocaba, sejam periciados pela Polícia Federal.

A decisão é desta quinta0-feira (3), do juiz eleitoral Emerson Tadeu Pires de Camargo. O processo tem como réu o prefeito eleito Rodrigo Manga (Republicanos) e o vereador eleito Cícero João (PTB), além de, pelo menos, mais duas pessoas.

De acordo com o magistrado, um dos réus argumentou que o áudio no qual ele aparece como um dos interlocutores foi editado. Conforme o juiz, a perícia técnica vai verificar se esses áudios foram ou não editados, bem como se as vozes contidas no material correspondem ou não ao réu e também a uma testemunha citada no processo.

Com isso, o juiz eleitoral determinou, com urgência, junto à Polícia Federal, a realização da perícia técnica, com prazo de 30 dias para a devolução da remessa dos laudos. Após isso, haverá audiência para oitiva das testemunhas arroladas pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) e de um dos réus do processo.

Em outubro, houve a destituição do diretório de Sorocaba do partido Avante. A situação teria ocorrido, segundo o MPE, para favorecer a candidatura de Rodrigo Manga. Professor Flaviano, com a situação, entrou na Justiça e obteve o direito de participar do pleito, sendo derrotado. O MPE, entretanto, entrou na Justiça contra a situação. Rodrigo Manga e Cícero João não se manifestaram sobre a decisão. (Marcel Scinocca)

O post Polícia Federal deve periciar áudios da campanha eleitoral apareceu primeiro em Jornal Cruzeiro do Sul.