Por falta de vacinas , DF suspende vacinação da primeira dose para idosos de 66 anos

0
71

O secretário de Saúde do Distrito Federal, Osnei Okumoto, disse em entrevista coletiva nesta segunda-feira (5), que idosos com 66 anos não devem mais procurar unidades de saúde para receber a vacina contra a Covid-19. O motivo é a falta de imunizantes para aplicação em primeira dose.

A campanha para esse público começou no sábado (3) e se estendeu até a manhã desta segunda, com 3,6 mil vacinados. No entanto, foi interrompida porque, das 116 mil doses recebidas do Ministério da Saúde na semana passada, mais de 114 mil foram destinadas à aplicação de segunda dose (veja mais abaixo).

Segundo o governo do DF, há previsão de chegada de mais 10 mil doses até quarta-feira (7). No entanto, a Secretaria de Saúde aguarda orientação do governo federal para definir se o lote será para uso como primeira ou segunda dose.

“Quando as vacinas chegarem e for definido pelo Ministério da Saúde que serão dose 1, vamos informar através dos nossos meios de comunicação. Enquanto isso, [idosos com 66 anos] não devem procurar [as unidades de saúde] porque estão indo apenas pessoas que são dose 2”, disse Osnei.

Deixe uma resposta