Covid: dose de reforço começa a ser aplicada em adolescentes nesta segunda-feira, no DF

0
400

Público entre 12 e 17 anos podem receber imunizante após quatro meses da segunda dose. Ampliação da campanha segue orientação do Ministério da Saúde.

A aplicação da dose de reforço da vacina contra Covid-19 em adolescentes começa nesta segunda-feira (30), no Distrito Federal. De acordo com a Secretaria de Saúde, jovens entre 12 e 17 anos podem receber o imunizante.

A ampliação da campanha segue orientação de uma nota técnica divulgada pelo Ministério de Saúde, na última sexta (27). Em nota, o secretário de Saúde do DF, o general Manoel Pafiadache, “a chegada da terceira dose para maiores de 12 anos reforça, principalmente, a segurança nas escolas, além de aumentar a proteção dos jovens que costumam conviver sempre em grupo”.

Segundo a nova recomendação do Ministério da Saúde, a dose de reforço deve ser aplicada quatro meses após a segunda dose, preferencialmente com a vacina da Pfizer, independentemente da dose aplicada anteriormente.

A Coronavac também poderá ser usada caso haja indisponibilidade da vacina da Pfizer. A recomendação também vale para adolescentes gestantes e puérperas.

No caso dos adolescentes imunocomprometidos, apenas a vacina da Pfizer deve ser utilizada. Com a nova recomendação, o esquema de imunização para adolescentes de 12 a 17 anos fica da seguinte forma:

  • Dose 1 (Pfizer) + intervalo de 8 semanas + dose 2 (Pfizer) + dose de reforço (Pfizer ou Coronavac), 4 meses após a dose 2
  • Dose 1 (CoronaVac) + intervalo de 4 semanas + dose 2 (CoronaVac) + dose de reforço (Pfizer ou Coronavac), 4 meses após a dose 2

Levantamento

Neste sábado (28), a Secretaria de Saúde fez um levantamento do estoque de vacinas na capital e constatou que há doses de CoronaVac disponíveis nas salas de vacina para dar início à aplicação já na segunda-feira. Segundo a pasta, a reposição de imunizantes da Pfizer também já foi solicitada ao Ministério da Saúde.

De acordo com a pasta, a capital tem 268.474 adolescentes na faixa etária, de 12 a 17 anos. Desses, 241.783 já iniciaram o esquema vacinal, com a primeira dose, e 194.898 receberam a segunda dose.

Com o intervalo de quatro meses sendo respeitado, no momento, há 173.337 adolescentes aptos a tomar o reforço, no DF.

 

Artigo anteriorR$ 5 milhões roubados. Carlinhos Maia Oferece recompensa “Alguém sabia”
Próximo artigoParlamentares afirmam que mulheres têm dificuldade no acesso a espaços de poder