STF conclui julgamento e condena Collor por corrupção e lavagem de dinheiro

0
253

Na tarde desta quarta-feira (24), o Supremo Tribunal Federal (STF) concluiu o julgamento da ação penal contra Fernando Collor de Mello. A Suprema Corte o condenou pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Na sessão de hoje, a presidente do STF Rosa Weber apresentou seu voto contra o ex-senador e ex-presidente da República.

O próximo passo do STF é a definição da pena a ser aplicada ao ex-parlamentar.

O relator do caso, Edson Fachin, sugeriu mais de 33 anos de prisão para Collor, além da aplicação de multa, pagamento de indenização por danos, perda de bens relacionados ao crime e proibição do exercício de função pública.

Para a definição da pena do ex-presidente, o plenário do STF vai ter que analisar se Collor será enquadrado em um 3º crime – de “associação criminosa”, como proposto por André Mendonça; ou de “organização criminosa”, como proposto por Fachin.

Cinco ministros se alinham ao posicionamento do relator do caso: Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso, Cármen Lúcia, Luiz Fux.

Já o ministro Dias Toffoli votou acompanhando André Mendonça.

Se a punição for superior a 8 anos, Collor deverá iniciar o cumprimento da condenação em regime fechado, ou seja, na prisão.

Artigo anteriorJustiça absolve pai que matou abusador de filhas
Próximo artigoNvidia fica próxima de atingir US$ 1 trilhão de valor de mercado