Cultura – Após quase uma década, escolas de samba voltam à passarela nesta sexta

0
445

Com investimento de R$ 7 milhões, evento organizado pelo GDF promete levar 40 mil pessoas ao espaço montado no Eixo Cultural Ibero-americano até domingo (25). Confira a programação completa

Depois de quase uma década sem sair às ruas para desfilar, as escolas de samba do Distrito Federal cruzarão a Passarela Marcelo Sena, montada no Eixo Cultural Ibero-americano, com carros alegóricos, passistas e baterias para apresentarem os sambas-enredos e disputarem mais um Carnaval – mesmo que fora de época. A realização do evento conta com a atuação de mais de quatro mil pessoas e o investimento de R$ 7 milhões do Governo do Distrito Federal (GDF).

“Os desfiles das escolas de samba estão voltando com todo o glamour e pompa que merecem”Bartolomeu Rodrigues, secretário de Cultura e Economia Criativa

Com entrada gratuita, o desfile terá a participação de 13 agremiações de 13 regiões administrativas do DF. Serão três dias de festividade com expectativa de passagem de 40 mil pessoas no local. Os dois primeiros dias contam com shows de abertura e a passagem das escolas. O encerramento será marcado pela apuração das notas e a divulgação das campeãs.

“É quase uma década de grito contido na garganta. Uma quase inexistência, algumas sobrevivendo apenas nos nomes bordados em velhos estandartes”, afirma o secretário de Cultura e Economia Criativa, Bartolomeu Rodrigues. “Os desfiles das escolas de samba estão voltando com todo o glamour e pompa que merecem”, acrescenta.

O desfile terá a participação de 13 agremiações de 13 regiões administrativas do DF | Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília

Shows, desfiles e apuração

Nesta sexta-feira (23), o evento começa a partir das 15h40 com o show do grupo Força das Pretas. Em seguida, se apresentam Dudu Nobre e a banda Vou pro Sereno. A partir das 18h30, a primeira escola pisa na avenida. É a Coruja Serrana de Sobradinho II. Já o encerramento do primeiro dia é com a maior campeã da história do Carnaval candango, a Unidos do Cruzeiro (Aruc). Também passam pela passarela Gruvipi Unidos de Vicente Pires, Unidos da Vila Paranoá, Unidos do Varjão, Unidos da Vila Planalto/Lago Sul e Águia Imperial de Ceilândia.

Carnaval fora de época traz de volta desfile das escolas de samba no DF

No sábado (24), a programação tem início mais cedo, às 14h10, com a apresentação da Banda Matuskela. Depois é a vez da Batucada dos Raparigueiros, do Grupo dos Criollos e do Grupo Cacique de Ramos esquentarem os tambores na abertura. Por volta das 19h45, a primeira escola chega à avenida: Acadêmicos do Riacho Fundo II. O último desfile é com a Acadêmicos da Asa Norte, segunda maior campeã do Carnaval brasiliense. Desfilarão também Capela Imperial de Taguatinga, Acadêmicos de Santa Maria, Mocidade do Gama e Bola Preta de Sobradinho.

No domingo (25), a programação contempla apresentações musicais de Alexandre do Samba, Kris Maciel, Roda de Samba Sagaz, Milsinho e Décio Luiz, intercaladas com a apuração dos grupos de Acesso e Especial.

Programação

23/6 – Sexta-feira

15h40 – 16h40: Força das Pretas (DF)
17h10 – 18h10: Dudu Nobre e Banda (RJ)
18h40 – 19h40: Vou pro Sereno (RJ)
19h45 – 20h45: Coruja Serrana de Sobradinho II
20h55 – 21h55: Gruvipi Unidos de Vicente Pires
22h05 – 23h05: Unidos da Vila Paranoá
23h15 – 0h15: Unidos do Varjão
0h25 – 1h30: Unidos da Vila Planalto/Lago Sul
1h40 – 2h45: Águia Imperial de Ceilândia
2h55 – 4h: Unidos do Cruzeiro – Aruc

24/6 – Sábado

14h10 – 15h10: Banda Matuskela
15h40 – 16h40: Batucada dos Raparigueiros
17h10 – 18h10: Grupo dos Criollos
18h40 – 19h40: Grupo Cacique de Ramos (RJ)
19h45 – 20h45: Acadêmicos do Riacho Fundo II
20h55 – 21h55: Capela Imperial de Taguatinga
22h05 – 23h05: Acadêmicos de Santa Maria
23h15 – 0h20: Mocidade do Gama
0h30 – 1h55: Bola Preta de Sobradinho
2h05 – 3h10: Acadêmicos da Asa Norte

25/6 – Domingo

12h – 12h45: Alexandre do Samba
13h – 13h45: Kris Maciel
14h: Apuração do Grupo de Acesso
15h: Apuração do Grupo Especial
18h – 18h45: Roda de Samba Sagaz
19h – 19h45: Milsinho
20h – 21h: Délcio Luiz e Banda (RJ)

Artigo anteriorSábado tem aniversario do Japão no Barlakobako no cruzeiro Novo
Próximo artigoPoliciais do DF utilizarão câmeras de monitoramento nos uniformes