Polícia divulga retrato falado de suspeito de roubar vibrador de ouro

    0
    241

    O homem que roubou um vibrador de ouro de uma sex-shop de luxo na Asa Sul já tem rosto. A Polícia Civil divulgou nesta quinta-feira (28/6) o retrato falado do suspeito, produzido a partir das descrições de funcionários da loja, assaltada no fim de maio.

    O vibrador banhado em ouro 18 quilates mede 10 centímetros, vale R$ 8 mil e é conhecido como “Lelo de ouro”. A polícia não dá mais detalhes sobre as investigações, mas segundo Marcelo Araújo, proprietário da loja, já houve a coleta de digitais de todos os funcionários, além de perícia que identificou quais seriam as marcas digitais deixadas pelo suspeito.

    O assaltante, que estava armado, não levou dinheiro do caixa e nem outros artigos, apenas o vibrador. Segundo funcionários da loja, um homem educado e bem vestido entrou na loja no início da noite de 30/5, rendeu a vendedora e a trancou no banheiro. O suspeito fugiu, deixando para trás o carregador que viabiliza o funcionamento do brinquedo erótico.

    Artigo anteriorCada vez mais frequentes, arrastões em bares levam medo à noite de Brasília
    Próximo artigoPosse dos delegados do Orçamento Participativo