Coluna Marcia Sousa dia 28 De Setembro de 2020

0
356

A agressão psicológica se inicia de forma lenta e silenciosa. Tais ofensas e agressões praticadas frequentemente causam intenso sofrimento, levando a alterações de comportamento que possivelmente mobilizarão todas as esferas da vida.
Apesar de não deixar marcas físicas é também uma grave violação dos direitos humanos das mulheres.
Por se tratar de uma violência “invisível”, que não deixa marcas físicas, a violência psicológica é difícil de ser analisada e penalizada, por este motivo, é papel do Estado trabalhar políticas de assistência e prevenção eficazes.
Violência Psicológica é qualquer ação ou omissão destinada a controlar ações, comportamentos, crenças e decisões de uma pessoa, por meio de intimidação, manipulação, ameaça, humilhação, isolamento ou qualquer outra conduta que implique prejuízo à sua saúde psicológica. É muito comum nesses casos, a pessoa ter a sua autoestima ou sensação de segurança atingida por agressões verbais, ameaças, insultos e humilhações. Essa violência acontece também quando, por exemplo, a pessoa é proibida de trabalhar, estudar, sair de casa ou viajar, de falar com amigos e familiares, ou então quando alguém destrói seus documentos ou outros pertences pessoais.
A FAM – FORÇA ATIVA DA MULHER, vem fazendo a diferença na vida de mulheres vítimas de violência.
Márcia Sousa🌹
(Presidente da FAM Força Ativa da Mulher).
www.famdf.org
@marciasousar2(Instagram)

Deixe uma resposta