EnCena Preta seleciona mulheres negras para residência artística virtual

0
28

A segunda edição do Festival Frente Feminina (FFF) abriu inscrições gratuitas para a Residência Artística EnCena Preta: afetividades, ancestralidades e brasilidades em narrativas performáticas. Mulheres negras, cis ou trans, podem se inscrever até o dia 24 de janeiro.

Com o apoio do Oi Futuro e o British Council, o EnCena Preta vai proporcionar intercâmbio gratuito com a artista britânica Marissa Lestrade. Idealizado por Larissa e pelas artistas brasilienses Anna Marques e Catarina Accioly como um festival voltado para mulheres artistas de Brasília, este ano o FFF assume como conceito temático o Afrofuturismo, que dialoga com a ideia do corpo negro no futuro.

“Nesta edição, queremos celebrar os corpos e vozes das artistas negras do nosso país. Isto ajuda a resgatar a ancestralidade africana dessas artistas relacionando com o que significa ser artista negra no Brasil”, define Larissa.

A primeira edição contou com seis dias de programação de espetáculos dirigidos e protagonizados somente por mulheres brasilienses. Desta vez, serão escolhidas 10 artistas de Brasília e mais 10 de outros estados do país. “Queremos que essas 20 artistas possam representar a pluralidade e diversidade da artista negra brasileira. Por isso, estamos chamando artistas de comunidades urbanas e rurais. Queremos chegar às artistas das periferias, favelas, povos de terreiro, da floresta, comunidades quilombolas, assentadas da reforma agrária, em diferentes estados. Queremos mostrar a potência da cena artística negra do nosso país pelo olhar da mulher”, conclui Larissa.

O post EnCena Preta seleciona mulheres negras para residência artística virtual apareceu primeiro em Metrópoles.